Suinocultores querem garantir padrão genético

Criadores de suínos de Marechal Cândido Rondon e região aprovaram, em assembleia no último sábado, na sede da Associação Municipal de Suinocultores, as contas do exercício passado. Aproveitaram a ocasião, também, para debater questões relacionadas à atividade, incluindo a renovação do plantel de machos reprodutores.

Criadores de suínos de Marechal Cândido Rondon e região aprovaram, em assembleia no último sábado, na sede da Associação Municipal de Suinocultores, as contas do exercício passado. Aproveitaram a ocasião, também, para debater questões relacionadas à atividade, incluindo a renovação do plantel de machos reprodutores da Central de Inseminação Artificial de Suínos, de propriedade da entidade, localizada em Quatro Pontes.

Já no ano passado, foram investidos mais de R$ 116 mil na aquisição de novos reprodutores, bem como na melhoria dos espaços físicos da Central de Inseminação. Os produtores entendem que a atividade está altamente competitiva e devem ser tomadas medidas que assegurem o padrão do potencial genético dos animais.

A associação de Marechal Cândido Rondon abrange, ainda, os municípios de Quatro Pontes, Pato Bragado, Mercedes, Nova Santa Rosa e Entre Rios, onde está concentrado o maior número de animais.

O encontro dos suinocultores foi conduzido pelo presidente da AMS local, Paulo Felippe Foster, e contou com a participação do presidente da Associação Paranaense de Suinocultores, Darci José Backes, sendo prestigiado o evento por lideranças locais, incluindo representantes de parceiros da entidade, como Sicredi, Prefeitura e a Copagril.

De acordo com Paulo Foster, há uma clara preocupação quanto a manter o alto padrão dos planteis, começando pela aquisição de reprodutores com genética de melhor desempenho. “Buscamos garantir a melhoria da cadeira reprodutora, visando o melhor desempenho nas granjas de suínos”, afirma Foster, ao informar que em 2013, uma das metas é a aquisição de pelo menos 30 novos reprodutores para reposição de machos que devem ser descartados, bem como a ampliação do número de matrizes para atender a demanda da indústria. “Nosso objetivo é repor, gradativamente, o plantel de reprodutores, com a aquisição a cada 50 ou 60 dias, de oito novos machos para produção de sêmen na Central de Quatro Pontes”, destaca Paulo Foster.

Outro assunto debatido por ocasião da assembleia dos suinocultores de Marechal Cândido Rondon, foi a realização de eventos que destaquem o consumo de carne suína. Um desses eventos é o chamado “Leitão à Marechal”, que deve ser realizado, em parceria com a Prefeitura, no final de abril, caso até lá esteja superada a questão envolvendo a interdição do Centro de Eventos do município, em razão das exigências no aspecto da segurança, redobradas após o episódio do incêndio da Boate Kiss, no Rio Grande do Sul. No ano passado, foram assados 92 leitões, com a participação de cerca de 4 mil pessoas.

 

 

ASSOCIAÇÃO PARANAENSE DE SUINOCULTORES - APS
Rua Conselheiro Laurindo, 809 - Sala 910 Centro
Curitiba - PR CEP: 80.060-100
Telefone: (41) 3223-1207 Fax: (41) 3223-1535
E-mail: aps@aps.org.br
su aritma su aritma su aritma su aritma su aritma